Cascavel e Foz enfrentam explosão de casos de Covid

19/01/2022
As duas principais cidades do Oeste paranaense vivem um período extremamente crítico no que se refere à pandemia da Covid-19.

As duas principais cidades do Oeste paranaense vivem um período extremamente crítico no que se refere à pandemia da Covid-19. Tanto em Cascavel quanto em Foz do Iguaçu há uma verdadeira explosão de novos casos, o que tem preocupado sobremaneira as autoridades encarregadas da saúde pública.

Em Cascavel, onde as primeiras pouco mais de 1.870 doses disponíveis começam a ser aplicadas nesta quinta-feira (19) nas crianças com comorbidades devidamente cadastradas, o boletim desta quarta (18) trouxe mais 403 casos da doença, todos diagnosticados ao longo das últimas 24 horas.

Essa tendência de crescimento vem se confirmando há vários dias, mas se intensificou nesta semana, quando ocorreram mais de 1.100 novas confirmações em apenas três dias. Isso elevou casos ativos (agora são 1.124), bem como os leitos ocupados de UTI (18) e de enfermaria (30). Menos mal que o número de óbitos segue sendo 1.140 desde o dia 23 de dezembro.

 

CENÁRIO PIOR EM FOZ

Já em Foz do Iguaçu, cidade onde o distanciamento social recomendado é bem mais difícil de ser atingido por se tratar de uma cidade turística e com muitos eventos, o cenário da pandemia é ainda pior que o de Cascavel.

Nada menos que 1.168 moradores da cidade das Cataratas testaram positivo apenas ao longo das últimas 24 horas. Um novo óbito (agora são 1.167 no total) também foi contabilizado nesta quarta-feira, data em que teve início a vacinação de crianças de 5 a 12 anos.

Fonte: Alerta Paraná.

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seja o primeiro, faça seu comentário. ;)