facebook
twitter
rss
Adicione a Nova Fase nas suas comunidades



Por que a Mona Lisa é a Mona Lisa?

Por quê Monalisa, era Mona lisa?

MonalisaAproveitando o post sobre o roubo da Mona Lisa, aproveito para falar aqui um pouco do quadro. Afinal de contas, porque a Mona Lisa é tudo o que é? Por que é um quadro tão simbólico?

Aí vão alguns motivos:

1 A reprodução quase perfeita do humano

Leonardo Da Vinci e seus comparsas de vida artística na Renascença estudavam o corpo humano com verdadeira obsessão. Estudavam anatomia em detalhes. E por isso eram capazes de reproduzir com um grau de semelhança absurdo detalhes do corpo humano.

No caso da Mona Lisa, é particularmente impressionante o nível de detalhe de partes do corpo como olhos (que chegam a rir mesmo se você tapa a boca) e as mãos.


2 O "sfumato"

Sempre se fala da expressão da mulher que Leonardo pintou. O sorriso, a serenidade...

Ernst Gombrich, o autor de um dos mais famosos livros de história da arte, diz que Leonardo deixou algumas partes do rosto de Mona Lisa "deliberadamente indistintas".

Segundo ele, isso era um método para superar um problema dos mestres anteriores a Da Vinci, como Van Eick, que reproduziam um rosto tão perfeitamente que acabavam congelando-o, sem deixar espaço para mistério.

3 O momento histórico

A Mona Lisa também representa um momento histórico importante. Desde o fim de Roma, não se pintavam mais retratos na Europa. Isso só voltou a acontecer de novo no fim da Idade Média.

Mais do que um simples retrato, a tela de Da Vinci também mostra uma senhora que não é da nobreza. Não é rainha ou princesa. É uma senhora burguesa, em pelo início do século 16.

4 A técnica fantástica

Leonardo era um gênio da invenção técnica. Além de pintar perspectivas incríveis, ele também aplicou outras novidades para a época, como a "perspectiva aérea". Ou seja: conforme um objeto fica mais distante, seus contornos ficam menos nítidos, mais esmaecidos, como se vê na natureza ao fundo.

Aliás, a paisagem "fictícia" criada por Leonardo também é uma novidade. Os pintores, tradicionalmente, levavam o modelo ao local que queriam representar. Da Vinci simplesmente "criou" o seu fundo.

5 O simbolismo

A tela tem vários símbolos importantes, que, para um observador atento, especialmente da época, mostravam a personalidade da mulher retratada.

Por exemplo, os caminhos "tortuosos" atrás dela. O símbolo representava uma pessoa de virtude, que prefere seguir pelo caminho certo, ainda que mais longo.

Ou o símbolo de recato que são as mãos cruzadas sobre o colo.

6 Os escândalos

E, sim, até mesmo os escândalos, como o roubo de 1911, contribuíram para a fama da tela.



Banner

O Que você acha necessário para reduzir os índices de criminalidade?

Policiais fardados nas ruas - 8.7%
Polícia melhor equipada - 8.7%
Aumento salarial para os policiais - 73.9%
Patrulhamento motorizado - 4.3%
Patrulhamento motorizado - 4.3%

Total de votos: 23
The voting for this poll has ended Ligado: 08 Mar 2011 - 00:00

Publicidade

Banner
Banner